Cripto moedas são ativos digitais concebidos para funcionarem como um meio de troca ao usar criptografia e distribuir uma alavanca de tecnologia sem forma física. Quando se gere cripto moedas, toda a gente se depara com uma transação. Isto pode acontecer em ocasiões diferentes, mais usualmente troca um bem por outro. Neste caso de comprar ou vender, escolher a plataforma certa é crucial.

Nos 10 anos que se seguiram desde o anúncio ao público da Bitcoin, negociar impulsionou transações de pessoa para pessoa para plataformas de troca P2P mais complexas. Uma troca online é a forma mais direta de transação de uma cripto moeda, mas que não está limitada ao seu meio. Pode trocar cripto moedas no balcão (NB), num lugar de troca próximo, em Multibancos de cripto, através de corretores e outros. Escolher o sistema certo para a sua troca depende do seu conjunto de habilidades, do seu estilo de compra e venda e da sua preferência.

Uma plataforma de troca de cripto moeda online tem funções semelhantes às de uma corretora tradicional ou bolsa de mercado; simplesmente é online. Uma negociadora online é um website que lhe proporciona a plataforma para negociar. Variam de iniciante-amigável para utilizador pro, pode ser tanto troca de fiat-cripto ou cirpto-cripto (C2C) de acordo com a moeda usada e pode diferenciar de uma para através da sua arquitetura básica. Cada plataforma tem as suas próprias características e vantagens e nem todas são criadas de igual forma.

Quando escolhe a negociadora de cripto moeda online mais adequada tem que considerar umas quantas características básicas. De grande importância são o nível de segurança de um troca, a sua reputação, as taxas que cobram (depósito, extração, taxa de troca), que taxa de troca é que têm (nem todas as trocas têm a mesma taxa de variação), que métodos de pagamento podem ser usados, algumas restrições geográficas, requisitos de verificação de identidade e, os requisitos com os procedimentos KYC/AML.

DYOR – do your own research

DYOR – do your own research. Sempre. Estamos aqui para lhe fornecer informação, mas esta é uma das regras principais em cripto, portanto não negligencie.

Somos uma negociadora de crypto-to-crypto exchange (CCE). Enfatizamos segurança, confiança e experiência de utilizador. Experimente a plataforma Tokens.net. A nossa contrapartida é uma decentralized exchange (DEX) e as principais diferenças estão resumidas nas seguintes características:

A primeira e a mais evidente tem a ver com AUTORIDADE. Uma CCE NCC pertence a uma entidade formal registada numa jurisdição e uma DEX é uma plataforma proporcionadora não-regulada, que serve de camada de correspondência de roteamento para pedidos de troca. Para uma representação mais simples, o equivalente no mundo físico seria um supermercado para troca formal e uma feira que não esteja regulada por jurisdição.

A segunda característica, igualmente importante são trocas de LIQUIDEZ, que se refere à capacidade dos ativos digitais poderem ser convertidos em dinheiro, moedas ou fichas facilmente. A liquidez é um indicador de quantos criadores de mercado poderiam tirar um número significante de recebedores. Normalmente, a. CCE tem uma liquidez mais alta do que DEX porque tem mais utilizadores dispostos a trocar, é mais rápida porque faz transações em back-end em vez de fazer transações diretamente na rede de corrente em bloco, e tem um maior volume de trocas.

VOLUME DE TROCAS refere-se à quantidade de moedas a serem trocadas nas últimas 24 horas. O volume indica a atividade de mercado de um ativo, em que um maior volume indica uma maior procura para troca. O volume de trocas influencia liquidez, mais utilizadores > mais volume > mais liquidez. Trocas centralizadas têm um maior volume de trocas e pode vender/comprar maiores quantidades da cripto moeda desejada enquanto que DEX, devido à sua dificuldade em usar funcionalidades limitadas, tem menos utilizadores e consequentemente um volume de trocas mais baixo e liquidez mais baixa.

OPÇÕES DE TROCA são mais em negociadoras centralizadas. Uma negociadora descentralizada oferece apenas um tipo de troca. O negociador estabelece o preço e quantidade no livro de pedidos e se alguém considerar o seu acordo aceitável, a sua transação será executada. Negociadoras centralizadas têm mais funcionalidades. Na plataforma Tokens.net isto incluí, troca por clique, pedido limite e pedido abaixo do limite, ganhar lucro.

A SEGURANÇA é de grande importânciaNenhuma troca é imune a hacks, mas nesta área, a DEX tem tipicamente menos risco por causa da sua distribuição de nodes. Contudo, a segurança também se aplica aos utilizadores e aos seus ativos, uma CCE oferece uma melhor segurança para os seus utilizadores e não exclusivo que utilizadores usem também a CCE como carteira. Por esta razão, é mais ariscado para um iniciante do que para um utilizador pro usar uma DEX.

FÁCIL DE USAR: utilizadores com menos habilidade estão mais seguros quando estão a trocar numa negociadora centralizada. A CCE é mais fácil devido à sua natureza de ser um negócio e por ter uma equipa de apoio que responde a questões não resolvidas, enquanto que o uso de uma negociadora descentralizada requere um negociante tecnicamente avançado. Ter que usar a sua carteira privada e ligá-la à negociadora constitui um grande risco para a sua segurança, mencionado acima.

DISPONIBILIDADE DAS NEGOCIADORAS: CCE é potencialmente mais propensa a ter tempo de inatividade devido à manutenção, mesmo se estivermos a elevar a fasquia.

Quando se escolhe a plataforma certa, considere o seu estilo de negociação e as suas capacidades técnicas. Provavelmente vão ser um fator determinante para a sua escolha.

A desvantagem em usar uma negociadora centralizada é que o utilizador não tem acesso a chaves privadas. A troca pertence à empresa e as chaves privadas das carteiras cripto também. Apesar disso, uma negociadora tem uma desvantagem para com o utilizador e é regulada por lei. Normalmente, um utilizador quereria aceder à chave privada mas para trocas ativas isto não mostra ter muita importância.

m comparação, uma negociadora descentralizada que exige um conhecimento técnico mais alto do utilizador não opera numa base de depósitos e extrações e o utilizador usa a sua carteira privada. Não existe empresa e carteira da empresa. Mas esta troca traz outros desafios.

Uma negociadora descentralizada não proporciona apoio ao cliente quando o utilizador tem uma pergunta ou está indeciso na troca de eventos.

Concluindo, tome uma decisão em relação ao tipo de troca que vai usar de acordo com as suas necessidades e confiança.

CCEs dominam, de momento, a troca de cripto moeda independentemente da arquitetura descentralizada de corrente em bloco por causa do seu uso fácil, maior seleção de tipos de troca, maior velocidade e maior liquidez. Em contraste, negociadoras descentralizadas são mais difíceis de usar. Enquanto que tem controlo sobre os seus ativos, eles têm um volume de trocas mais baixo e liquidez mais baixa, portanto, vender e comprar grandes quantidades de cripto moeda é mais difícil. Para além disso, as transações estão dependentes da rede e podem demorar tempo. Negociadoras centralizadas mundialmente são muito mais populares e mais frequentes do que as negociadoras descentralizadas devido à sua segurança, apoio e confirmação de estar de facto a usar serviços financeiros. No Tokens.net queremos proporcionar-lhe excelentes ferramentas de troca ao mais alto nível de segurança.

Rate this article:
Author: Tokens.net Team
English
Deutsch
Italiano
Français
Español
Nederlands
Polski
Svenska
Português
Türkçe